Dicas para estudar na Universidade

0


     Agora que você fez o mais difícil que foi entrar naquela facú que você sonhou, aprenda a estudar de maneira correta, para não perder tempo e se embananar com tantas atividades acontecendo ao mesmo tempo. 
  • Leia as normas da faculdade (disponíveis em guias e manuais)
    Conheça a estrutura curricular do curso
    Estabeleça prioridades, já que há um conteúdo maior aplicado em um prazo menor do que no ensino médio
  • Crie horários de estudo e um cronograma de atividades
    Busque serviços de apoio, como bolsas e moradias estudantis.Informe-se sobre atividades não,obrigatórias,como iniciação científica,programas de extensão, estágios e monitorias. Se sua faculdade oferecer esses serviços, priorize um estágio lá mesmo, porque não perderá tempo extra de transporte entre faculdade e trabalho. Além disso, as universidades tendem a ter horários mais flexíveis do que uma empresa privada.
  • Avalie constantemente o seu desempenho no aprendizado e corrija o que não estiver dando certo
  • Na faculdade, o aluno deve ser mais autônomo do que no ensino médio. Portanto, a preparação fora da sala de aula é fundamental.
  • Diferentemente do ensino médio, não há apostilas ou conteúdos resumidos.Por isso, após uma primeira leitura mais detalhada da matéria, faça você mesmo resumos que serão úteis na hora de estudar para as provas.
  • Organize um espaço agradável para estudar, com boa luminosidade, ventilação e sem distrações
     As aulas são mais importantes na faculdade do que no ensino médio. Como não há conteúdos resumidos, a aula traz a oportunidade de esclarecer dúvidas e de debater o que foi estudado
  • Trabalhos em grupo são boas oportunidades de trocar informações, de treinamento para expor de maneira clara suas idéias e de também aprender a ceder quando necessário.Além disso, você mostra comprometimento para colegas que futuramente poderão estar em posições de comando em sua área. Por isso, mesmo entre colegas de facú, tente não se atrasar, e não se omita de suas responsabilidades perante o grupo.

Fontes: serviço de apoio ao estudante da Unicamp e bloqueira

 

0 comentários:

Postar um comentário