Excursão x ir por conta própria - Gramado - parte 1

1
Portal de entrada de Gramado: Fonte fotos bloqueira

 Meninas, tudo bem? Há tempos atrás, eu viajava MUITO de excursão. Aliás, pena que não havia programa de milhagens para agências ou cartão fidelidade (alô, alô, CVC e afins,olha a idéia!!!). Eu teria ido até o Japão de graça!!! As pessoas me perguntam se é mais legal ir de excursão ou ir por conta própria (sistema que adotei desde que casei). Então criei essa categoria para falar especificamente de um destino e porque eu acho que é bacana ou se é uma fria cada sistema ( tudo com muito bom humor,ok?). Adoraria saber a opinião de vcs, de quem já foi...e conhecer novas dicas. Deixe nos comentários que publicarei com o maior carinho. Beijos com gosto de chocolate caseiro para vcs!!

Excursão

Porque é bacana:

Para começar, existe uma hegemonia das grandes agências em Gramado. Isso quer dizer que elas conseguem em geral, um preço especial para pacotes com passagem aérea e hotel. Ás vezes o pacote, sai mais barato que comprar só a passagem aérea por conta própria.

As operadoras trabalham com hotéis consagrados e possuem opções nas faixas de preço. Em Gramado, esses hotéis costumam estar perto ou no centro da cidade.

Você não precisa se preocupar com transporte do aeroporto de Porto Alegre para Gramado, nem vice-versa. Eles possuem ônibus próprio, que vai deixando os hóspedes em seus respectivos hotéis.

Os passeios são selecionados para agradar a toda a família e serem variados. Assim, tem o momento compras de malhas e couro ( mulheres, oba!!) , vinhos  e embutidos ( que os homens adoram !!), parques e atividades temáticas para crianças (me diz se uma criança não pira no Mini Mundo, na Aldeia do Papai Noel  e visitando a Fábrica de chocolates?). Se for Natal, o desfile noturno para os pequenos é inesquecível.

Você pode conhecer gente bacana, dentro do seu perfil e combinar de rachar despesas, trocar dicas e ter amigos para próximas viagens. 

Quer comer um fondue, churrasco com show gaúcho, café colonial? A excursão te leva nessa maratona gastronômica!!!

Não conhece nada e é primeira vez? City tour é um geral rápido que ajuda pelo menos a você se localizar geograficamente e saber a distância do seu hotel do centro. 

Passeios fora da cidade? Existem opcionais (como a maria-fumaçapara Carlos Barbosa, atividade na cidade vizinha Canela, e passeio e Nova Petrópolis). Sim, eles levam desde que você pague à parte.

Existem guias especializados que vão dar um suporte ao turista  e conhecem bem a cidade.


 Porque é uma fria:

Você vai ficar em um hotel grande que comporta muita gente e por isso o atendimento tende a ser mais impessoal;

Você vai estar totalmente dependente dos horários de saída do ônibus. Isso quer dizer, acordar com despertador (nas férias!!!) , tomar café-da-manhã correndo, ficar tempo demais ou de menos em determinada atração, conhecer atrações que não tem nada a ver com seu perfil, mas que estão no pacote e no meio do dia de atividades.

Acredite, você acorda cedo e ainda vai passar em mais uns 5 hotéis para pegar mais turistas, ou seja vai perder tempo sagrado de suas férias.

Você vai no café colonial, churrsaco e afins que eles pré determinarem. E acredite, não será o mais gostoso ou o mais autêntico. 

As lojas de embutidos, vinhos, malhas, chocolates,  tem acordo com a agência e pagam uma comissão aos guias. Por isso, eles ficam um tempão nesses lugares ( para vc gastar mais e mais) e e mesmo se vc não tenha  foco no consumo, vai ter que esperar cada um pagar, cada um pegar os pacotes, cada um ir ao banheiro...atrações gratuitas e parques em contrapartida serão vistos correndo.

Você vai andar muito de ônibus...e  em Gramado não pode haver que combine menos do que esses veículos gigantes em uma cidade pequena. Além disso, vai perder a possibilidade de caminhar um pouco mais, conhecer os restaurantes que os moradores vão (são mais baratos e gostosos) e ter um contato que não seja o comercial com os locais.

Você vai ter que conviver com os tipos que sempre aparecem em excursão: os tiozinhos piadistas, as consumidoras profissionais, os atrasadinhos, as crianças que não param de gritar ( mesmo às 7 da manhã). Além disso tem o cheirinho de fumaça e o temível banheiro químico do busão (sente na frente ou vai ter que conviver com porta de banheiro que não fecha/não abre, aromas nada agradáveis, entupimentos - reze para ninguém fazer número 2)

Ah, e sem esquecer o microfone da guia que não funciona, ou está muito alto, ou dá chiado, ou está sendo usado para a brincadeira do bingo, miss/mister simpatia, piada do português, gaúcho,sogra....Socorro!!!,  


 Na parte 2 que vou postar amanhã, o hot/cold de ir por conta própria. Não percam!!



1 comentários:

Anônimo disse...

HORRÍVEL DE LER NESTA PÁGINA, FAVOR COLOCAR LETRAS PRETAS

Postar um comentário